Menu
RSS


Jude Law lamenta que filme de Woody Allen não seja lançado

O ator Jude Law, atualmente nas nossas salas como Dumbledore em Monstros Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, afirmou ser uma pena que o mais recente filme de Woody Allen, A Rainy Day in New York, não tenha a estreia conforme estava planeada. Law disse ainda ao The New York Times que adorava ver o filme e que as pessoas [ele incluído] trabalharam e investiram muito na obra. 

Recorde-se que após as repetidas acusações de Dylan Farrow, em sequência do movimento #MeToo, vários atores que trabalharam nesse filme vieram a público criticar o cineasta e afirmar que nunca mais trabalhariam com ele. Timothée ChalametGriffin Newman, David Krumholtz e Rebecca Hall anunciaram mesmo que iam doar os seus salários para várias instituições de caridade para vítimas de abuso sexual. 

A Rainy Day in New York, a 48ª longa-metragem de Allen, encerrou as filmagens em novembro de 2017 e conta ainda no elenco com Selena Gomez e Elle Fanning. Recorde-se que há uns meses atrás, num artigo da  Vulture, estava explícito que a Amazon sentia a pressão de não estrear A Rainy Day e mostrar que não tolera o assédio sexual. "A Amazon definitivamente pode dar-se ao luxo de suportar o custo do filme", disse um influente executivo de marketing (que pediu anonimato). "Eles podem mostrar à comunidade que estão a ser agressivos [a lidar com o assunto]. E os produtores nunca os iam processar. Você ia parecer um idiota se os quisesse processar por danos."

 


Woody Allen e Selena Gomez nas filmagens

 



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos