Menu
RSS

 



Sean Penn: "o espírito de muito do que tem sido o #MeToo é dividir homens e mulheres"

Por ocasião da promoção à sua nova série, The First, Sean Penn falou à NBC das suas preocupações com o movimento #MeToo. "Este é um movimento que foi em grande parte apoiado por uma espécie de receptáculo da devassa", disse o ator à anfitriã Natalie Morales, que então lhe pediu que explicasse o que ele queria dizer com essas palavras.

Penn respondeu: "Bem, não sabemos o que é um facto em muitos dos casos. Devassa é o que você chama a um movimento que é realmente uma série de acusadores individuais, vítimas, acusações, algumas das quais infundadas. O espírito de muito do que tem sido o movimento #MeToo é dividir homens e mulheres".

Morales discordou, dizendo acreditar na forma de "unir as mulheres", mas Penn insistiu que o movimento é uma "Trend" (tendência atual): "Sou muito desconfiado de um movimento que se agita com grande estridência e raiva sem nuances. E mesmo quando as pessoas tentam discutir isso de maneira subtil, as nuances são atacadas. Acho que tudo é demasiado preto ou branco. Na maioria das coisas que são importantes (de discutir), é muito bom simplesmente ter calma (a discuti-las) ”. 

Recorde-se que numa entrevista ao Guardian em maio, Penn disse acreditar que o movimento #MeToo não era "intelectualmente honesto". 

The First 

Criada por Beau Willimon (House of Cards) e protagonizada por Penn, The First tem como base um futuro próximo (2030) e explorará os desafios dos primeiros passos dados em direção a Marte.

O público terá uma visão íntima sobre as personagens enquanto estas tentam alcançar o desconhecido e lidam com desafios psicológicos e físicos necessários para alcançar o impossível.



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos