Menu
RSS


Os Produtores - Ep 11: Das Reboot

Naquele dia, os fiéis estagiários, Huguinho, Zezinho e Luisinho, receberam uma mensagem no bip da Coca-Cola a informar para chegarem mais cedo. Visto não haver dinheiro para um segurança lhes abrir a porta, os três estavam sentados nas escadas da rua, acarinhados pelo calor das 4 da manhã.

Zezinho- Não sei…

Huguinho- Então?

Zezinho- Achas que vale a pena continuar?

Luisinho- O quê?

Zezinho- Isto!

Huguinho- Não estou a-..

Zezinho- Não é possível a segunda vez ser tão boa como a primeira. Talvez o facto de a primeira vez ter corrido tão bem tenha sido apenas sorte, mas, quer dizer, houve ali qualquer coisa especial, sabes? Parecia algo diferente que apareceu no momento certo. E não sei se a segunda vez vai ser a mesma coisa, não sei se estou à altura.

Luisinho- Uau. Foi exatamente isso que a minha namorada me disse ontem.

Huguinho- Sem tirar nem pôr?

Luisinho- O problema foi esse!

Lourenço chega finalmente, apressado

Lourenço- Boa, já estão aqui todos. Entrem por favor. Depressa!

Os quatro entram para a sala principal, que é a única sala. Não acendem as luzes porque está prestes a amanhecer dentro de algumas horas

Huguinho- O que se passa Lourenço?

Luisinho- Porque é que vimos tão cedo?

Lourenço - Escutem, eu agradeço por terem aceite estagiar novamente, mas se esperam continuar, eu vou precisar que fiquem mais calados do que nunca.

Zezinho- Não me parece que vá ser problema.

Luisinho- Mesmo quando falamos raramente nos deixam termin-..

Lourenço- O nosso novo filme vai estrear e tudo aponta que vá ser uma desgraça. Eu vou ter de contar ao nosso Produtor e uma vez que tivemos que assegurar a vossa segurança no contracto, preciso mesmo que me garantam que não vão falar ou entrar no gabinete dele. Por mais que ele vos chame, por mais que ele vos peça cafés, não entrem. Eu sei que é dífic-

Luisinho- Por mim tudo bem

Huguinho- Sem problema

Zezinho- De qualquer maneira sou pago para trabalhar, não para falar.

Luisinho- Espera, tu és pago?

Lourenço- Agradeço o vosso empenho. É muito importante termos cuidado com o que lhe dizemos.

O Produtor- Dizemos a quem?

Lourenço- Oh, olá Sr. Produtor. Por isso não se esqu-.. S-Sr. Produtor? Tão cedo?

O Produtor- Porque é que estão às escuras? Não quero cá remakes do Barry Lyndon! Além disso este é o mês que a Endesa oferece a fatura

O Produtor acende as luzes, confundindo as traças que não entendem o conceito desde que nasceram naqueles cacifos.

O Produtor- No meu gabinete, já.

Os estagiários levantam-se, mas Lourenço faz sinal para não avançarem

O Produtor- Tu também Lourenço.

Os estagiários não aguentam a pressão e entram primeiro. No gabinete, Lourenço tenta passar entre os estagiários, observando o Produtor a retirar 3 copos da sua secretária.

O Produtor- Um de vocês que vá buscar o champanhe do Feira Nova. Aquele que ainda tem o rótulo. Hoje celebramos.

Huguinho- Mas, Senhor, a garrafa está a fazer de perna na minha secretária…

O Produtor- Fazes como o Toy. Primeiro bebes, depois usas o joelho para suporte.

O estagiário Huguinho vai buscar a garrafa, tentando fazer com que as canetas, dossiers e monitor se mantivessem equilibrados.

Zezinho- Mas o que celebramos?

O Produtor- O nosso nov-

Ouve-se um estrondo de canetas, dossiers e monitor a cair no chão

O Produtor- Celebramos o nosso novo filme.

Zezinho- Mas eu pensei qu-..

Luisinho- O teu mal é pensar.

O Produtor- Vejo que aprendeste muito o ano passado Luisinho. Ah, o champanhe!

Huguinho entrega o champanhe do Feira Nova ao Produtor e volta para o canto dos alunos. O Produtor abre a garrafa desfazendo a cortiça com os dedos e começa a encher os três copos.

O Produtor- Lá conseguimos uma semana em que não estreasse nada de jeito, e estreámos o nosso Blockbuster do ano. Tomem.

Um copo de champanhe sem gás e cortiça a boiar para Lourenço e um copo para os três estagiários, ao qual recebe Luisinho que depressa passa para Huguinho que finta para Zezinho. Lourenço, com gotas de suor a agruparem-se no fundo das lentes, tenta reportar.

Lourenço- Huh…ahem…Senhor..hum..eu temo que-…

O Produtor- Nada temas Lourenço, eu faço o discurso. *Levantando o copo à altura do ombro* Rapazes, lembrem-se sempre: Heróis são homens comuns que fazem coisas extraordinárias em épocas fora do comum; já dizia o DVD do 'U-571'. Uma frase parva e sexista, como se quer Hollywood! Eu sei que às vezes posso ser um bocado … profissionalmente entusiasmado convosco, mas não posso de deixar de agradecer a todo o vosso empenho. Hoje poderão sair mais cedo para junto de quem mais amam e dizer, com orgulho, 'Amor, hoje fiz história! Hoje abri um novo universo! *Erguendo o copo acima da cabeça* Hoje, ajudei a lançar-..

Lourenço- Senhor… o 'Venom' foi esmiuçado na crítica.

O Produtor mantém-se estático, de sorriso orgulhoso parado no tempo, num passado assustadoramente distante

Lourenço- O embargo terminou à meia noite, as pontuações saíram no Rotten Tomatoes e… o 'Venom' é um filme podre, Senhor.

O Produtor senta-se lentamente, mantendo o sorriso e copo apontado para o candeeiro que ainda aguardava que a lâmpada aquecesse. O único movimento corporal foi agachar-se para a cadeira e puxar-se com os calcanhares para a frente. Devagar, pousa o copo, perde o sorriso e com a mão a tremer do formidável peso do copo, penteia o bigode massajando o acumular de óleo e cera. Olha para a mesa de cabeça baixa, gerando um clima de derrota, frio e terror para quem fosse estagiário

O Produtor- Os seguintes homens ficam nesta sala: Lourenço.

Os estagiários saem da sala, deixam todos os outros homens sozinhos com o Produtor

O Produtor- ERA UMA ORDEM! FAZER DO VENOM UM SUCESSO ERA UMA ORDEM!!! QUEM É QUE PENSAM QUE SÃO PARA ME DESAFIAR?!?!

Os gritos ouviam-se pela porta que em nada abafava o som

Zezinho- Bem, eu vou lá abaixo beber café

Os outros estagiários ficam a ouvir, até porque não havia nada mais interessante para se fazer

O Produtor- E É A ISTO QUE NÓS CHEGÁMOS! A USAREM O MEU DINHEIRO E MENTIREM-ME!

Lourenço- Senhor, peço-lhe que não grite em Caps Lock.

O Produtor- A COMEÇAR POR TI LOURENÇO QUE DISSESTE QUE ARRANJAVAS A PERUCA PARA O WOODY HARRELSON DE BORLA E AFINAL JÁ ERA 1,70€!!

Lourenço- Eu disse que arranjava a peruca *no* De Borla, Senhor!

O Produtor- ONDE É QUE EU AGORA VOU ARRANJAR O DINHEIRO LOURENÇO?!

Lourenço- Senhor, ainda temos o mercado chinês.

O Produtor- ISSO É PORQUE ELES NÃO ABREM OS OLHOS PARA VEREM A MERDA QUE TÊM À FRENTE! *partindo um de três copos*

*Zezinho volta*

Zezinho- O café ainda está fechado. Perdi alguma coisa?

O Produtor- -..ENQUANTO TU PASSAS A VIDA A VER TOMATES NA INTERNET!

Zezinho- Eu espero lá em baixo.

*Zezinho vai embora*

Lourenço- Mas Senhor, as projeções ainda são positivas. O 'Venom' ainda pode ter uma primeira semana impressionante.

O Produtor- EU NÃO ESTOU PREOCUPADO COM O VENOM, ESTOU PREOCUPADO COM AS SEQUELAS QUE JÁ VI QUE NÃO VÃO A LADO NENHUM COMO OS FILMES DO GARFIELD!!!

Lourenço- Do ator ou do gato?

O Produtor- SIM!!!

*Luisinho escuta a conversa a chorar*

Huguinho- Tem calma Luisinho, não fiques assim!

Luisinho- Mais um ano em que não nos vai pagar o passe..

O Produtor- SE ACHAS QUE EU ESTOU A REAGIR MAL ESPERA SÓ ATÉ O AVI ARAD SABER DISTO! AINDA SE VAI SENTIR MAL A ACHAR QUE É UM INCOMPETENTE E SEM QUERER PONDERAR A ENTREGA DE UM FRANCHISE QUE VENDE SÓ COM O NOME A ALGUÉM QUE QUEIRA FAZER FILMES EM VEZ DE VIDEOCLIPES DO EMINEM! O HOMEM APOIOU QUE SE FIZESSE A INCRÍVEL BATALHA DE DUAS POÇAS DE LAMA NUM FOGUETÃO E É ASSIM QUE LHE AGRADECEMOS A VELHICE!!!

O Produtor senta-se, pairando um silêncio nada confortável

O Produtor- Eu nunca ganhei na Academia. E no entanto eu fiz um filme com a fala "como uma poia ao vento"! Porque é que só as poias dos outros ganham, Lourenço?

Lourenço- O filme não é assim tão mau Senhor, já fizemos poias maiores. *enquanto apanha os vidros do copo partido* Talvez, Senhor, seja altura de..

O Produtor- Não te atrevas..

Lourenço- ..de chamarmos o Sam Raimi.

O Produtor- Lourenço, eu posso não ter todo o dinheiro do mundo, mas ainda tenho orgulho caramba!!! *bate na mesa, e olha para uma fotografia da Poia do Emoji Movie, assinada pelo Sir Patrick Stewart*

O Produtor- Orgulho!!!

*Zezinho regressa*

Zezinho- Mas quê, ainda estão aqui?

Huguinho- Está-se a acalmar. Não sei o que é pior.

Zezinho- Era isto que eu tinha receio.

Luisinho- De ele passar-se?

Zezinho- De ser sempre sobre super-heróis e universos partilhados. Porra!

Luisinho- O velho vai-se passar.

Huguinho- O Arad?

Luisinho- Já vai em quantos reboots?

Zezinho- O Arad... É isso!

--

O Produtor- Mais um universo que vai cair no esquecimento. Como o Spaced...

Zezinho entra na sala

Zezinho- Senhor, se me permite.

O Produtor- Não permito.

Zezinho- Pronto, mas agora já entrei.

O Produtor- Então diz, não me faças perder tempo.

Zezinho- Sei como resolver os seus problemas.

O Produtor- O crédito da casa, a minha mulher, o crédito da minha mulher, a minha úlcera e a úlcera da minha mulher?

Zezinho- Na verdade refiro-m-..

O Produtor- O empréstimo para o meu filho, a inspeção do meu carro, o Mario Lopez a seguir-me no Twitter e a existência do Zack Snyder?

Zezinho- Não, escut-

O Produtor- O remake do Rei Leão, o facto de terem as luzes da sala ligadas quando ainda são 05h da manhã, a multa na CRIL, a TVI ter arruinado o Querido Mudei a Casa, o Chimarrão trazer menos comida à mesa, o futebol português e o Nilton?

Zezinho- …

O Produtor- O logo da SIC..-

Zezinho- Senhor, talvez o motivo de estarmos com problemas seja termos demasiado sangue velho.

O Produtor- Como assim? Vocês não estão na casa dos 20?

Zezinho- O que é que o Avi Arad fez de jeito nos últimos tempos?

O Produtor- Convenceu a imprensa que o Mark Webb era o tipo certo.

Lourenço- Nós não podemos expulsar o Avi.

O Produtor- Exato, eu gosto de ter um velho a andar por aqui de boné. Faz-me rir.

Zezinho- Não me refiro a expulsar o Avi Arad. Mas a razão do sucesso da Disney é ter alguém como o Kevin Feige.

O Produtor- Não é ameaçar as salas que não voltam a estrear mais nada se passar outro filme na mesma semana além do Star Wars?

Zezinho- A razão, Senhor Produtor, é não terem ninguém incompetente lá dentro.

O Produtor- Como explicas o Thor 2?

Zezinho- O que eu estou a propor, Senhor, é infiltrarmos alguém.

O Produtor- Não sei se o Avi vai nisso. Ele costuma ser fechado a ideias de jeito.

Zezinho- Não seria suficiente, a sua incompetência é demasiado incompetente. Precisamos de alguém que sabe o que faz, mas o que faz é horrível.

O Produtor-… Se pensas que eu vou pedir favores ao Zack Snyder…

Zezinho- Não Senhor. Alguém… pior...

O Produtor- Não estou a ver...

Zezinho- A Disney precisa de alguém tão mau que é capaz de levar todo o império abaixo com más decisões.

O Produtor- Temos alguém assim?

Lourenço- Só estou a ver uma pessoa …

O Produtor- Não...

Zezinho- Sim.

O Produtor- Não!

Zezinho- Sim!

O Produtor- … isso tem tudo para resultar e acabar por dar merda, como o ‘Ready Player One’. Tás a ver Lourenço? Haja alguém que mereça o seu salário!

--

Huguinho- Então ele recebe mesmo!

--

O Produtor- Zezinho, estás promovido a..huuh.. algo que soe importante mas que quem trabalhe mesmo seja quem esteja abaixo de ti.

Zezinho- Diretor?

O Produtor- Nem mais! Vamos tratar desse plano, mas só num texto mais à frente que este já se alonga que baste e começo a ficar aborrecido.

Lourenço- Mas Senhor, e a sequela do Venom? Garantimos ao Woody que se ele usasse aquela peruca faria parte de um franchise vendido num boxset!

O Produtor- Liga ao Raimi, diz-lhe que está perdoado pelas más decisões que não tiveram interferência do estúdio e ele que desenrasque qualquer coisa. Tenho um império para contra-atacar!

*Fim da Parte 1 de 3, para render mais*



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos